domingo, 8 de novembro de 2009

OLHA OS SINAIS!

O Século passado foi um longo período de convulsões sociais em busca dum ajuste ideal, que variava segundo os dogmas de cada grupo.

Experimentou-se a vivência de duas absurdas guerras globais, com todo o seu desfile de horrores e rasto de traumas que perdurarão por gerações, mesmo que dum modo muito subtil. Testemunhou-se também o prolongamento de absurdos conflitos e guerras que em nada contribuíram para a paz e bem viver dos povos que sofreram as suas consequências.

Foi um tempo de inventividade e renovação em que tudo se alterava em catadupa e a uma velocidade estonteante. A tecnologia, mais do que a ciência, entrou mais que nunca no processo de definição do modelo de vida das sociedades e povos.

Foi um desfilar de ascensão e queda de impérios e de consolidação do sistema capitalista, com a sua ditadura de horror económico hegemónico e desumano. O sucesso material foi entendido como valor supremo, sobrepondo-se muitas vezes, senão quase sempre, ao interesse vital e dignidade das gentes.

Assistiu-se ao nascimento e desenvolvimento enviesado duma globalidade erradamente cimentada numa base de massificação intensiva, eliminadora das culturas e idiossincrasias dos diferentes povos e indivíduos, sem lhes permitir e dar uma identidade própria.

Foi um tempo em que se esqueceu a faceta espiritual do ser humano, visando apenas a satisfação de objectivos materiais. Menosprezou-se a formação humana, favorecendo o egoísmo e a ganância ao promover o lucro e a posse como objectivos derradeiros da realização humana.
Abandonou-se o investimento na Educação (a verdadeira Educação e não a capacitação profissional), deixando assim espaço para o desenvolvimento da barbárie violenta que se testemunha diariamente em todos os níveis duma sociedade cada vez mais assimétrica e injusta.

Os sinais estão aí, ao nosso redor, no nosso quotidiano. Estejamos atentos e empenhemo-nos em ler os sinais e lutar por os reverter.


Quero aqui anunciar também que suspendo as minhas publicações neste blog. A partir de agora podereis continuar acompanhando os meus pensamentos e devaneios no Confessium, assim como nos meus outros blogs, cujos endereços podereis encontrar aí ao lado, na margem.

Fiquem em paz e até sempre!

6 comentários:

Serginho Tavares disse...

Agora temos que experimentar um novo momento antes que o mundo acabe ou o futuro chegue e a gente não esteja lá!
Te amo

ps: vou sentir saudades deste blog

Arnaldo Trindade disse...

Amigo,
o pior é que as coisas voltam a piorar e ninguém mais sabe em que tempo estamos e como fazer pra sobreviver as confusões dos nosso dias auais, dos antigos e dos que viram.
Abraços e divulga pra mim se for possível.

falta de respeito da UNIBAN com a mulher, tudo por dinheiro, é mais facil expulsar um do que punir centenas...

www.naosejaapenasmaisumamarionete.blogspot.com

São disse...

Falas de sinais, mas quem os quer ver? E quem os segue de quem os vê?

Fica bem.

Do You Believe in Angels ? disse...

Votos de um Feliz Natal

um grande abraço*

Clarice disse...

Primeiramente obrigada pela visita e gentis palavras.

Vou colocar você na sala de visitas para ler e refletir. Ou não refletir. Só colher.
Abraços do sullll.

Multiolhares disse...

pelo visto cheguei no final deste teu cantinho, no ultimo século tudo tem sido feito a pensar em cada um de nós e não no geral cada vez estamos mais egocêntricos, estamos no caminho oposto á espiritualidade e estamos a ver como tudo se esta a desmoronar, os Mais dizem ser o ano de 2012 o fim e estamos a ver como o mundo está
Bj